RELEASE – H3N2 e Covid-19: Especialista alerta que os cuidados com os olhos devem ser redobrados

Segundo a Sociedade Brasileira de Oftalmologia (SBO) algumas medidas de
proteção individual e de simples execução devem ser tomadas e precisam ser
seguidas, com a disseminação da variante H3N2 e Ômicron, é importante
relembrar que os olhos também podem ser a porta de entrada para os vírus.
Entre os sintomas dessas doenças, está a irritação ocular.


Apesar de não ser a principal porta de entrada, a infecção por meio dos olhos é
possível como explica a médica oftalmologista, Susan Yano.


“O principal é a via respiratória, por isso é importante usar máscaras e evitar
aglomerações. Mas o olho, como tem uma comunicação direta com a via
respiratória, também pode ser uma via de entrada dessas viroses, tanto
influenza, quanto o coronavírus”, orienta a especialista, Susan Yano.


Outro alerta em relação à doença é sequela na pessoa que já foi infectada pelo
vírus. No início da pandemia, especialistas acreditavam que a nova doença,
assim como outras enfermidades respiratórias, atacava principalmente os
pulmões.


Com o tempo, descobriu-se que a infecção pelo Sars-CoV-2 causa danos em
outros órgãos, como coração, rins e até o cérebro. Em análises recentes,
pesquisadores encontraram indícios de efeitos também nos olhos.
Eles detectaram a presença do RNA do coronavírus e algumas alterações
oculares em pessoas infectadas.


As investigações são preliminares, mas, segundo especialistas, também
essenciais para guiar novos trabalhos científicos que ajudarão a desvendar os
impactos do agente infeccioso na visão, como esclarece a oftalmologista, Susan
Yano.


“Não podemos descartar o agravamento de doenças oftalmológicas, como o
glaucoma ou embaçamento visual em pessoas que já tiveram o vírus. Mas, é
importante afirmar os especialistas estão em fase de estudos. Porém é
necessário orientar que a pessoa que já teve contato com a covid-19 procure um
oftalmologista para acompanhamento da saúde ocular”, afirma a especialista,
Susan Yano.

WhatsAppTelegramMessengerFacebookTwitterEmail

Release – Abril Marrom

Abril Marrom: casos de cegueira podem ser prevenidos se tratadosprecocemente No mês de prevenção e...

×